quarta-feira, setembro 28, 2005

Mais uma vez orquídeas




Você faz parte...

Há um site indispensável para quem aprecia as orquídeas, mas este link é somente um linque deste site onde você pode aprender de uma forma muito didática: aqui. (Neste site você pode aprender o básico sobre as bonitinhas)

"ETIMOLOGIA
De acordo com as regras de nomenclatura botânica, o nome da família deve ser escrito em latim: Ochidaceae (derivado do grego Orchis).O Termo Orchis, que significa testículos, foi usado pela primeira vez por Theophrastus (c. 372 - 287 a.C.), filósofo grego, discípulo de Aristóteles. Theophrastus comparou as raízes tuberosas de algumas orquídeas mediterrâneas com os testículos humanos. Por este motivo, desde a Idade Média, propriedades afrodisíacas são atribuídas às orquídeas."
Tirei isso daqui. (link já colocado acima)
Mais indispensável para dizer neste blog é quanto ao extrativismo destas flores consideradas raras. A exploração econômica foi feita de forma extrativista e especulativa (ao longo da História do Brasil e provavelmente em outros países) simplesmente acabando com várias espécies de orquídeas que hoje estão em extinção ou em vias de extinção. É importante saber como o vendedor, o colecionar, aquele que que se autodenomina orquidófilo (amigo das orquídeas que pode ser inimigo também) obtém orquídeas para os fins a que almeja. Pode estar fazendo o grande favor de criá-las em estufas, nos vidrinhos fechados e desta forma poderá fornecer algumas mudas para colaborar com a restauração da natureza ambientalizando algumas plantas. Poderá também estar causando devastação é lógico. Hoje esta flor que é considerada um luxo diminuiu consideravelmente o seu preço. Espero que seja porque muitas pessoas estão criando estas plantas com todo cuidado e carinho e não simplesmente arrancando-as do seu habitat natural.
Mitos sobre as orquídeas: Neste site que coloquei acima você pode conferir a lenda grega. Há o mito nada vegetal e sim humano de que estas meninas são orgulhosas, de que só usam vestidos muito caros, de que são parasitas (Não são. São epífitas pela possibilidade de viver sobre outros vegetais e tê-los como morada.) e de que são até mesmo orgulhosas. Más linguas....São só más línguas. Daí se vê o quanto a beleza e a inteligência podem ser invejadas e tornadas propriedade a alto preço por alguns que a retém de uma forma muito egoísta e extrativista.
|

Links to this post:

Criar um link

<< Home